POR QUE É QUE OS REMÉDIOS MORREM?

Machado de Assis

Resumo


Um dia destes, lendo nos diários alguns attestados sobre a excellencias do xarope Camabará, fiz uma observação tão justa que não quero furtal-a aos contemporâneos, e porventura aos posteros. Verdadeiramente, a minha observação é um problema, e, como o de Hamlet, trata da vida e da morte. Quando a gente não póde imitar os grandes homens, imite ao menos as grandes ficções.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 Machado de Assis

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Conselho Federal de Farmácia - CFF

SHIS QI 15 Lote "L" - Lago Sul - Brasília - DF

CEP: 71635-615 - Fone: (61)3878-8751

e-mail:infarma@cff.org.br

Infarma-Ciências Farmacêuticas

ISSN - 2318-9312 (Versão eletrônica)

ISSN - 0104-0219 (Versão impressa)

 

Indexadores: