ERROS DE PRESCRIÇÕES MÉDICAS EM DROGARIA

Tiago Aparecido Maschio de Lima, Maria Ivonete da Silva Gouveia, Luis Lenin Vicente Pereira, Moacir Fernandes de Godoy

Resumo


Estudo descritivo exploratório com objetivo de verificar a taxa de erros em prescrições médicas coletadas em uma drogaria privada. Foram analisadas 120 prescrições, coletadas durante 30 dias, de acordo com sete variáveis. No total foram identificados 426 erros. Os erros mais frequentes foram prescrições ilegíveis ou pouco legíveis 68,33%, identificação do prescritor incompleta ou omissa 10%, identificação do paciente incompleta ou omissa 42,5%, posologia incompleta ou omissa 40%, dose incompleta ou omissa 45%, presença de abreviaturas 84,17%, e 65% das prescrições não cumpriram de forma adequada com a legislação. Observa-se elevada taxa de erros nas prescrições analisadas, demonstrando a necessidade da avaliação do farmacêutico para a detecção destes erros, solicitação de correções e prevenção do risco de exposição do paciente aos problemas ocasionados por esses erros tais como reações adversas, interações medicamentosas, intoxicações, agravamento de doenças ou óbito. Ademais, é necessário conscientização para o cumprimento das boas práticas de prescrição e sugere-se a realização de estudos para elaborar estratégias que minimizem a ocorrência de erros de prescrição.


Palavras-chave


prescrições de medicamentos; prescrição inadequada; erros de medicação; farmácia.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14450/2318-9312.v28.e1.a2016.pp16-21

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Tiago Aparecido Maschio de Lima, Maria Ivonete da Silva Gouveia, Luis Lenin Vicente Pereira, Moacir Fernandes de Godoy

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Conselho Federal de Farmácia - CFF

SHIS QI 15 Lote "L" - Lago Sul - Brasília - DF

CEP: 71635-615 - Fone: (61)3878-8751

e-mail:infarma@cff.org.br

Infarma-Ciências Farmacêuticas

ISSN - 2318-9312 (Versão eletrônica)

ISSN - 0104-0219 (Versão impressa)

 

Indexadores: