AVALIAÇÃO HIGIÊNICO-SANITÁRIA DE CARNE MOÍDA COMERCIALIZADA EM AÇOUGUES DA CIDADE DE SARANDI, PR, BRASIL

Caroline Rodrigues de Almeida, Miyoko Massago, Sara Macente Boni

Resumo


O consumo de carne bovina pela população brasileira tem aumentado nos últimos anos. No entanto, o processamento deste produto pode favorecer a sua contaminação por microrganismos e desencadear surtos de infecção alimentar. Baseado nestas informações, o objetivo do presente trabalho foi avaliar a qualidade higiênico-sanitária da carne moída comercializada em 20 açougues da cidade de Sarandi, PR. Foram coletadas amostras de 50 gramas do produto em cada estabelecimento. Em seguida foi verificada a presença de coliformes totais e termotolerantes pela Técnica do Número Mais Provável e de Salmonella spp. por crescimento em meio específico. Foi observada a presença de coliformes termotolerantes em todas as amostras analisadas; porém, em nenhuma delas houve o crescimento de Salmonella spp. A presença de Escherichia coli no alimento indica falha nos procedimentos higiênico-sanitários, ressaltando a importância de implementar medidas que promovam melhoria nas boas práticas de higiene, a fim de reduzir os índices de contaminação destes produtos e aumentar a qualidade de vida do consumidor.


Palavras-chave


Análise microbiológica; Bactérias; Carne moída

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14450/2318-9312.v30.e2.a2018.pp110-114

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Caroline Rodrigues de Almeida, Miyoko Massago, Sara Macente Boni

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Conselho Federal de Farmácia - CFF

SHIS QI 15 Lote "L" - Lago Sul - Brasília - DF

CEP: 71635-615 - Fone: (61)3878-8751

e-mail:infarma@cff.org.br

Infarma-Ciências Farmacêuticas

ISSN - 0104-0219 (Versão impressa)

ISSN - 2318-9312 (Versão eletrônica)

Indexadores: