ASPECTOS ATUAIS SOBRE A SEGURANÇA NO USO DE PRODUTOS ANTIPERSPIRANTES CONTENDO DERIVADOS DE ALUMÍNIO

Ludmila Pinheiro Nascimento, Renata Platcheck Raffin, Sílvia Stanisçuaski Guterres

Resumo


A higiene pessoal, atualmente, faz parte das preocupações diárias das pessoas, em todo o mundo. Dentre os vários produtos de higiene, os antiperspirantes e os desodorantes só foram introduzidos, no mercado, no início do século XX, quando a perspiração e o odor corporal começaram a ser considerados inconvenientes. Entretanto, há relatos do uso de fragrâncias no Antigo Egito e em Roma. O suor é uma função fisiológica importante para o controle e a manutenção da temperatura corporal em aproximadamente 37oC, além de manter a hidratação e a plastificação da camada córnea. A habilidade de transpirar até 1,8 L, por hora, permitiu a adaptação do ser humano a diferentes climas.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2014 Infarma - Ciências Farmacêuticas

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Conselho Federal de Farmácia - CFF

SHIS QI 15 Lote "L" - Lago Sul - Brasília - DF

CEP: 71635-615 - Fone: (61)3878-8751

e-mail:infarma@cff.org.br

Infarma-Ciências Farmacêuticas

ISSN - 2318-9312 (Versão eletrônica)

ISSN - 0104-0219 (Versão impressa)

 

Indexadores: