A FORMAÇÃO HUMANÍSTICA DO FARMACÊUTICO

Márcia Maria Vasconcellos Mikalauscas, Rosa Maria Bracini Gonzales

Resumo


Este artigo apresenta algumas reflexões que aconteceram, no decorrer do exercício profissional, e culminaram com a participação no curso de Especialização Em Laboratório Clínico, particularmente com a disciplina de Ética. Também, no cotidiano profissional. Ao nos depararmos comsituações que exigiam mais que a formação técnico-científica, foi possível constatar que não estava preparada para fazer estes enfrentamentos e que faltava algumas habilidades que poderiam ter sido trabalhadas, durante o curso degraduação. O farmacêutico, como profissional da saúde, responsável pela assistência farmacêutica, seja na farmácia, na indústria ou em laboratório clínico, deveria possuir, além da formação científica, a habilidade de comunicação com a equipe de trabalho e pacientes.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2014 Infarma - Ciências Farmacêuticas

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Conselho Federal de Farmácia - CFF

SHIS QI 15 Lote "L" - Lago Sul - Brasília - DF

CEP: 71635-615 - Fone: (61)3878-8751

e-mail:infarma@cff.org.br

Infarma-Ciências Farmacêuticas

ISSN - 0104-0219 (Versão impressa)

ISSN - 2318-9312 (Versão eletrônica)

Indexadores: