PROBLEMAS RELACIONADOS AO USO DE ESTEROIDES ANABÓLICOS ANDROGÊNICOS (EAA) POR PRATICANTES DE MUSCULAÇÃO E O PAPEL DO FARMACÊUTICO NA EDUCAÇÃO DESTES ATLETAS DE MODO A REDUZIR O USO INDISCRIMINADO

Aline Oliveira de SOUZA, Andrews Marques do NASCIMENTO, Eduardo Roberto COLE

Resumo


A busca pelo corpo perfeito está assumindo proporções assustadoras em todas as partes do mundo. O culto ao corpo desencadeou uma busca desenfreada por artifícios que permitam alcançar um ideal de beleza fora da realidade para a maior parte da população. Dentre estes artifícios, destaca-se o uso de esteroides anabólicos androgênicos (EAA). Os EAA sintéticos são substâncias consideradas “construtoras” de músculos, pois conseguem potencializar os efeitos do exercício físico sobre os músculos, que apresentam efeitos semelhantes aos da testosterona, promovendo aumento da força de contratilidade e do volume das células musculares. O farmacêutico, enquanto profissional devidamente habilitado em medicamentos, insere-se neste contexto de forma decisiva, assumindo o papel de “educador em saúde”, e esclarecendo aos usuários (ou futuros usuários) sobre os riscos inerentes a tal prática. A participação efetiva do profissional farmacêutico em um trabalho educativo direcionado aos usuários dessas drogas é de suma importância, atuando de forma decisiva no desencorajamento do uso de EAA ao se depararem nas drogarias com indivíduos intencionados a fazer o uso não médico/ilícito de EAA, procurando sempre abordagens que fujam das tradicionais campanhas de conscientização (que poucos resultados têm obtido nos últimos anos).


Palavras-chave


Testosterona; farmácia; anabolizantes; academia.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14450/2318-9312.v25.e3.a2013.pp143-154

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2014 Infarma - Ciências Farmacêuticas

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Conselho Federal de Farmácia - CFF

SHIS QI 15 Lote "L" - Lago Sul - Brasília - DF

CEP: 71635-615 - Fone: (61)3878-8751

e-mail:infarma@cff.org.br

Infarma-Ciências Farmacêuticas

ISSN - 0104-0219 (Versão impressa)

ISSN - 2318-9312 (Versão eletrônica)

Indexadores: