ANÁLISE DA FORMA DE DESCARTE DE MEDICAMENTOS POR USUÁRIOS DE UMA UNIDADE DE SAÚDE NO MUNICÍPIO DE PORTO ALEGRE/RS

Gelson Antonio IOB, Elineide Gomes dos Santos CAMILLO, Raquel Denise PETRY

Resumo


Não há em nosso país uma normatização que regulamente o descarte de medicamentos domiciliares. Em vista disso, realizou-se um estudo quantitativo, contemporâneo, observacional, realizado por meio da aplicação de um questionário estruturado objetivando analisar a forma mais comum de descarte de medicamentos por usuários da Unidade de Saúde Parque dos Maias (USPM) do Grupo Hospitalar Conceição (GHC), localizada no município de Porto Alegre/RS. O estudo incluiu 238 moradores, com erro aceitável de 5% e um nível de confiança de 95%. Em relação à análise da população estudada observou-se que 97,9% relataram que possuem medicamentos em suas residências; 86,6% nunca receberam orientação de como descartar medicamentos; 60% descartam no meio ambiente os medicamentos vencidos encontrados nos domicílios. A investigação estatística realizada pelo teste de Qui-quadrado para as variáveis analisadas não apresentou associação estatisticamente significativa entre escolaridade e renda com boa parte das ações de descarte de medicamentos pesquisadas. Constatou-se que medidas efetivas deveriam ser melhor organizadas para diminuir e regulamentar a geração e o destino dos medicamentos impróprios para o consumo presentes nas residências, minimizando assim danos ao meio ambiente e a saúde pública.

Palavras-chave


medicamentos vencidos; descarte de medicamentos; sobra de medicamentos.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14450/2318-9312.v25.e3.a2013.pp118-125

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2014 Infarma - Ciências Farmacêuticas

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Conselho Federal de Farmácia - CFF

SHIS QI 15 Lote "L" - Lago Sul - Brasília - DF

CEP: 71635-615 - Fone: (61)3878-8751

e-mail:infarma@cff.org.br

Infarma-Ciências Farmacêuticas

ISSN - 2318-9312 (Versão eletrônica)

ISSN - 0104-0219 (Versão impressa)

 

Indexadores: