ESTUDO COMPARATIVO DE FORMULAÇÕES DE FATOR DE PROTEÇÃO SOLAR DE FARMÁCIAS MAGISTRAIS UTILIZANDO SIMULADORES

Priscila Feretti Ramos, Inês Juliana Martorano Giardini

Resumo


A importância do uso de protetor solar tem sido amplamente divulgada na mídia. Há muitas opções de formulações de protetor solar disponíveis no mercado magistral, incluindo uma gama de fatores proteção solar e preços. No momento da compra, dúvidas e controvérsias podem surgir em relação ao fator de proteção ideal e suficiente para minimizar os efeitos da radiação ultravioleta. Portanto, o objetivo deste estudo foi avaliar formulações de fotoprotetores disponíveis em farmácias de manipulação. Seis formulações foram testadas com fator de proteção solar atribuído por farmácias de manipulação no Estado de São Paulo. Foram observadas discrepâncias entre fator rotulado e eficácia em alguns protetores solares testados. Os resultados mostraram que algumas formulações não atingiram o fator de proteção solar descrito na embalagem nem o grau de proteção contra raios UVA, utilizando como base o método Persistent Pigment Darkening (PPD), em relação ao valor mínimo exigido na RDC 30, de 1 de Junho de 2012. Tendo em vista que a fotoproteção é de extrema importância para evitar os efeitos da radiação ultravioleta, há necessidade de um controle mais rigoroso de qualidade na produção de protetores solares manipulados.

Palavras-chave


radiação ultravioleta; Fator de Proteção Solar; protetores solares

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14450/2318-9312.v26.e4.a2014.pp251-257

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2014

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Conselho Federal de Farmácia - CFF

SHIS QI 15 Lote "L" - Lago Sul - Brasília - DF

CEP: 71635-615 - Fone: (61)3878-8751

e-mail:infarma@cff.org.br

Infarma-Ciências Farmacêuticas

ISSN - 2318-9312 (Versão eletrônica)

ISSN - 0104-0219 (Versão impressa)

 

Indexadores: