FARMACOECONOMIA: UMA FERRAMENTA PARA A GESTÃO DOS GASTOS COM MEDICAMENTOS EM HOSPITAIS PÚBLICOS

Priscila Becker Packeiser, Darielli Gindri Resta

Resumo


A farmacoeconomia é a aplicação da economia ao estudo dos medicamentos otimizando os gastos financeiros sem prejuízo ao tratamento do paciente. Diferentes estudos farmacoeconômicos podem ser empregados, sendo que os principais são: minimização de custo, análise custo-utilidade, custo-benefício e custo-efetividade. O objetivo deste estudo é realizar uma revisão dos conceitos de farmacoeconomia e dos estudos farmacoeconômicos, apresentando suas principais características e exemplos de aplicabilidade no âmbito hospitalar. Foi realizado um levantamento bibliográfico nas bases de dados do Scielo, Lilacs e Medline, selecionando 16 artigos no período de janeiro a março de 2014, publicados em inglês, português e espanhol. A escassez e limitação de recursos dos hospitais públicos brasileiros aliado ao envelhecimento populacional torna a farmacoeconomia uma importante ferramenta para a tomada de decisão quanto aos recursos farmacológicos, permitindo a escolha da melhor opção de tratamento ao paciente adequada às possibilidade de custeio do hospital.


Palavras-chave


farmacoeconomia; análise farmacoeconômica; hospital

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14450/2318-9312.v26.e4.a2014.pp215-223

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2014 Infarma - Ciências Farmacêuticas

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Conselho Federal de Farmácia - CFF

SHIS QI 15 Lote "L" - Lago Sul - Brasília - DF

CEP: 71635-615 - Fone: (61)3878-8751

e-mail:infarma@cff.org.br

Infarma-Ciências Farmacêuticas

ISSN - 2318-9312 (Versão eletrônica)

ISSN - 0104-0219 (Versão impressa)

 

Indexadores: